segunda-feira, Abril 14, 2014

Madeira Island Ultra Trail 2014 - Flash report

Ufff, o que dizer do MIUT...

Sinto-me um privilegiado por ter a capacidade de superar o desafio. Esta travessia apenas dá para realizar a pé, por isso o Trail Running permito-nos realizar um percurso com tamanha beleza em modo competição\superação. 

Ainda estou a processar a informação sobre aquilo que vivi ao longo das quase 17h de prova. Há coisas que estão bem registadas na minha mente, mas há outras não tão claras. Quando se vive intensamente uma jornada desta dimensão a mim acontece isto. 

Parabéns ao Clube de Montanha do Funchal, ao staff que segundo ouvi ultrapassou as 450 pessoas. Sempre encontrei pessoas simpáticas, disponíveis e acolhedoras. De louvar o grau de mobilização e de espírito de equipa. Este evento tem tudo para se continuar a afirmar nacional e internacionalmente. Parabéns ao mentor do projecto - Nuno Gonçalves. 

Parabéns a todos os atletas que se desafiaram a completar cada uma das provas. Quem se superou e terminou os desafio, uma merecida vénia a vocês, principalmente aos que estão mais horas nos trilhos, que passam duas noites na montanha, que se superaram no verdadeiro sentido da palavra. Ao meu colega de equipa, o Luís Alves que também completou os 116km, foste enorme. Muitos parabéns Luís. A Sara Ricardo também da Desnível Positivo (D+) completou a prova de 42km a espalhar sorrisos...muito bom Sara! Representar as cores da D+ é representar a filosofia de como eu entendo que o trail running tem de ser encarado. Com muita diversão, respeito pelos adversários, alegria e espírito de equipa. 

Parabéns aos vencedores, aos que completaram os percursos no menor tempo possível. Sem duvida que são atletas ''especiais'' para voarem por estes trilhos. Na categoria de 116Km tive o privilégio de entregar uma inscrição para o Réccua Douro Ultra Trail ao Julien Chorier e à Lucinda Sousa., os vencedores à geral. Parabéns uma vez mais. 

O lugar que alcancei para mim é um sonho tornado realidade. 4º na geral, 3º na categoria sénior da prova dos 116km ao lado do Armando Teixeira e o Julien é impagável. Este foi ''oficialmente'' o meu primeiro pódio no Trail, não me irei esquecer nunca. 

Sobre a minha prova....superou todas as minhas expectativas. Na minha primeira abordagem a provas superiores a 100km não sabia como o meu corpo iria reagir. Primeiro objectivo - terminar. A partida em Porto Moniz às 00.00h é arrepiante, correr no mato sozinho com uma luz a iluminar o caminho é emocionante. Assistir ao nascer do dia na montanha é inesquecível. Chegar à meta em Machico é um sentimento inigualável, pessoal e intransmissível. Mas o percurso...sem palavras...sempre que possível olhava em meu redor para contemplar as vistas que eram de cortar a respiração. Assim que tenha fotos irei partilhar. 

Consegui gerir a minha prova, ouvir o meu corpo e dosear o esforço. Aprendi bastante ao longo dos 116Km. Preocupei-me bastante com a alimentação constante, com a hidratação e isso reflectiu-se na performance. Não tive qualquer indicio de câimbras e dores nas pernas\pés\braços por incrível que pareça não me atacaram. Durante a prova tive que fazer apenas uma paragem rápida para ir à ''sanita''. Nada que já estivesse nos planos...

Foi a primeira prova que fiz com bastões...acho que foi a melhor compra que fiz nos últimos tempos...

Uma coisa que poucos sabem é que fiz uma intervenção cirúrgica na quarta-feira e médica disse que não podia fazer esforços durante 15 dias...e menos de 72h depois estava a fazer o MIUT com a boca inchada e com algumas dores. Sandra, estou grato por colaborares neste ''processo''...

Em 2013 fiz os 42km e acabei bem pior que este ano os 116km. Estou apto para correr e pedalar a começar já hoje.

Agradeço aos amigos que partilharam comigo esta aventura mais de perto. Principalmente o Aurélio Davide...amigo tu és ''especial''. À Ana Lúcia, ao Victor, à Constança estou grato pelo vosso carinho. Constança, desculpa as mordidas...
Agradeço à Cofides por novamente produzir a roupa que utilizei em tempo record. Roupa de qualidade customizada Made In Portugal.
Tiago Aragão, um amigo, um treinador e uma máquina! Parabéns pelo teu 2ª lugar!
Luís Mota, há que levantar a cabeça e pensar nos próximos objectivos, mas primeiro resolve essa lesão definitivamente.
Nuno Caetano, foi muito bom rever-te depois do Aiguille du Tour, grato pela boleia. Mas queria era continuar até ao fim contigo...
Lou Ana...Mamaaaaa, que saudades eu tinha tuas. Foi muito bom voltar a ver-te. Que alegria eu senti por te ver em Porto Moniz. 
Agradeço a todos os novos amigos que fiz durante este fim de semana, espero estar com vocês em breve novamente. 

Mais tarde irei fazer uma publicação mais detalhada, com mais fotos principalmente, mas agora vou processar a informação com uns dias de ''descanso'' na Kona. 

Podem ver fotos do evento na página do Aurélio David no Facebook. São milhares de fotos de todos ou quase todos os participantes. 

https://www.facebook.com/AtletaDavide

Aquilo que escrevi antes da prova pode ser visto aqui









sexta-feira, Abril 11, 2014

Madeira Island Ultra Trail 2014 - Antevisão

Em 2013 estive no MIUT, vim com os amigos para a diversão, conhecer um pouco a ilha e correr. Este foi o meu 3º Trail, depois do Trail das Aldeias do Xisto e do Paleozóico. Estava a dar os primeiros passos na modalidade ainda muito longe sequer de pensar na relevância que hoje em dia o Trail tem na minha vida quer desportiva, quer profissional. Já em 2013 a primeira inscrição foi nos 115km, mas depois mudei para os 42km porque era muita ''areia para o meu camião''.

Em 2014, com mais experiência, volto à Madeira mas desta vez para participar definitivamente nos 115km. Se no ano passado fruto da inexperiência surgiram algumas 'complicações' com o material obrigatório, este ano, venho todo ''apetrechado''.

Prova rainha do MIUT, o UT 115 será uma travessia com cerca de 115 km e 6800mD+. Com início no Porto Moniz, o percurso segue um constante sobe e desce, com passagens pela emblemática floresta Laurissilva, considerada património da humanidade pela UNESCO, e ainda pelos famosos picos do maciço central da ilha, não faltando também uma incursão às proximidades do Curral das Freiras. Uma prova para os traillers 'puros' com extrema experiência em provas ultra-longas!

Será um verdadeiro desafio às capacidades físicas e mentais. Apesar de estarem mais de 200 atletas nesta prova (o dobro comparado com 2013), para mim o único ''adversário'' serei eu próprio. Irei lutar para me superar, para ir além dos meus limites. Será a primeira vez que me desafio numa competição de três dígitos. Será também a primeira vez que corro de noite durante tantas horas. Bom, será a primeira vez em muita coisa, mas isso é altamente desafiador e estou cheio de 'pica' para começar o MIUT. A minha previsão e intenção é fazer o percurso dentro da autonomia do GPS. 

A prova liga Porto Moniz a Machico,. passando por vários pontos bem conhecidos da ilha, nomeadamente: Ribeira da Janela, Seixal, Paul da Serra, Vargem, Curral das Freira, Pico do Areeiro, Ribeiro Frio, etc. passando assim pelos pontos mais altos, por kms e kms de levadas e escadarias vertigionosas. Tudo isto somado dará os assustadores 6 800m de acumulado de subida. 

Ás 00.00h de amanhã (sábado), estarão cerca de 450 atletas na partida do MIUT 115Km e 85Km. Será certamente um momento arrepiante estar naquele local e imaginar a jornada que se irá iniciar. 

Na lista de inscritos figuram alguns nomes sonantes do Trail nacional e mundial. O Francês  Julien Chorier é um dos principais candidatos à vitoria, mas o Armando Teixeira e o Luís Mota irão certamente aplicar-se no seu encalço.

Agradeço primeiramente à organização do MIUT por criar este evento onde se nota trabalho e paixão. Agradeço ao Aurélio Davide que me recebeu como se fosse da família. Estarei eternamente grato por esta recepção. Agradeço à Desnível Positivo por poder representar as cores da equipa. Estaremos dois da D+ em prova, eu e o Luís Alves que também se estreia nos 3 dígitos. Boa sorte Luís! Agradeço à Nexplore pela oportunidade que me dá em estar aqui presente e divulgar o Réccua Douro Ultra Trail. 

A todos os amigos que me enviam mensagens de apoio, estou grato pelo vosso carinho. Irei vos levar ao longo dos 115Km até cruzar a linha de meta. 

Podem acompanhar a partida da prova em livestream na janela abaixo. A organização informou que irá colocar online a passagem dos atletas nos pontos de controlo. Pelo que apurei será aqui:

http://madeiraultratrail.info/

Caso seja outra será atempadamente divulgada na pagina do MIUT no Facebook aqui:

https://www.facebook.com/madeiraultratrail

O fotografo Aurélio Davide irá cobrir o evento. Acompanhem o álbum do MIUT aqui

Boa sorte a todos os que vão participar no MIUT, independentemente da prova. Que se divirtam e que se superem. 

Aproveito para dar os parabéns à comitiva Portuguesa que participou na Marathon des Sables que terminou hoje. O Carlos Sá esteve ao mais alto nível conquistando a 4ª posição demonstrando que é um dos melhores e mais completos Trail Runners do Mundo. O Pedro Gonçalves, carinhosamente apelidado de 'Presi' por ser o presidente da Desnível Positivo fez também uma grande prova.

Parabéns a todos! 

Até já,













Video streaming by Ustream

quinta-feira, Abril 10, 2014

Algarve Bike Challenge 2014 - Flash report

Devido à falta de tempo ainda não consegui partilhar com vocês a experiência que foi ter participando no ABC 2014. Muito rapidamente, a prova surpreendeu tudo e todos pela positiva em vários aspectos:
  • Organização 
  • Trilhos
  • Envolvência da cidade
  • Qualidade dos alojamentos
  • Qualidade das refeições 
  • Relação custo\beneficio 

A prova estava dividida em três dias : Um prologo urbano nocturno com cerca de 3Km e duas etapas de montanha com 92Km e 75Km respectivamente. 
 . 
Agradeço e dou os parabéns à equipa do ABC e ao seu director de prova - Marco Fernandes que montou um evento que tem tudo para se afirmar nacional e intencionalmente.

Agradeço ao Valério Ferreira pela oportunidade de partilhar com ele esta prova por etapas. Já tinha saudades tuas amigo! 

Agradeço a todos os amigos que revi neste ambiente de BTT que já sentia saudades. Até me arrepiei certos momentos por estar ali a viver aquele momento. 

Vejam os vídeos da BTT-TV que cobriu o evento e fez um óptimo trabalho. Agradeço também por me ter dado a oportunidade de comentar a segunda etapa.

O resultado foi muito bom. Divertimo-nos muito e não podemos ter melhor troféu que esse. Mas quando à classificação também acompanhou essa diversão. Terminamos a prova na 7ª posição. O Valério tratou-me ''muito mal'', fez sofrer bastante, mas era mesmo este o objectivo, ganhar ritmo competitivo em BTT uma vez que tenho andado mais focado no Trail Run nesta fase da época.

A reportagem mais detalhada saíra em breve.

Sobre o evento:

http://algarvebikechallenge.com/pt/
https://www.facebook.com/AlgarveBikeChallenge









ETAPA 1


ETAPA 2


ETAPA 3

quarta-feira, Março 26, 2014

Trilhos do Paleozóico 2014

Já passou mais de uma semana mas as sequelas continuam no corpo. A desidratação extrema alterou-me o organismo nos dias seguintes ao evento e passados 10 dias sinto que ainda não estou recuperado. O que aconteceu foi um pico de calor atípico para a altura do ano associado a um percurso muito exigente que resultou numa prova de elevada dureza. 

Quando quem organiza eventos também pratica a modalidade, tem experiência internacional e associa-se a pessoas experientes, o resultado só pode ser um - SUCESSO. Foi do consenso de todos que a 2ª Edição dos Trilhos do Paleozóico foi um evento bem organizado. O organizador Luís Pereira e toda a sua equipa de staff, patrocinadores, parceiros e o município de Valongo estão de Parabéns! 

A nível de performance desportiva fiquei feliz com o resultado. Terminei na 4ª posição na minha categoria que foi vencida pelo Miguel Reis e Silva. Na geral fiquei dentro do top 10, o que também é muito bom. Senti-me bem e não fosse um engano que me custou quase 20 minutos, poderia ter subido mais uns lugares na classificação, mas as competições são assim mesmo. Já estou a pensar na próxima. No total foram 51Km em 5.47h e 5 000m de acumulado positivo o que numa serra com 300m de altitude se traduz num ''serrote'' constante.

No dia anterior aproveitei a para ir até Valongo na companhia do Tiago e do Luís e pude comprovar que tanto as descidas como as subidas seriam ''vertiginosas'' fazendo me recordar o desafio que foi completar esta prova em 2013. Valongo foi o meu local de treino durante os tempos da universidade onde aqui treinei muito BTT. Estes trilhos para quem vive na região do grande Porto são um ''must''.

Na classificação geral o espanhol Toffol Castanyer ''limpou'' literalmente a prova. Durante os kms iniciais onde pude apreciar o ritmo (à distância) parecia que estava a correr uma maratona...no plano! 
Em equipas a Desnível Positivo venceu nos Ultra Trilhos e fez a festa no pódio. Parabéns a todos os atletas D+ que preencherem as classificações de ambas as provas (23 e 45Km). Reconheço o mérito de quem se classifica na frente, mas faço uma vénia a quem passa horas nos trilhos horas e horas superando-se e pondo à prova os limites físicos e psicológicos. É um orgulho muito grande pertencer a este grupo de amigos, seres humanos e atletas excepcionais!

Utilizando a primeira versão da Jersey Cofides especifica para Trail Run, representei as cores do Douro Ultra Trail - www.douroultratrail.com Fiquei surpreendido pela leveza e transpirabilidade do material MADE IN PORTUGAL.Os testes vão continuar e é um gosto poder usar a mesma marca que uso no BTT\Ciclismo. Grato pelo apoio Cofides!

Agora há que pensar em duas rodas e mais propriamente no Algarve Bike Challenge que começa já na próxima sexta-feira. Vão ser três dias de BTT para colocar à prova a Kona King Kahuna e divulgar o Mountain Quest - www.bikemountainquest.com 
Esta competição que tem o cunho pessoal do amigo Marco Fernandes terá a sua segunda edição em 2014, mas que já é conhecida nacional e internacionalmente. Será a minha estreia na prova.
Uma prova com um prologo nocturno e duas etapas de montanha. Saibam tudo sobre prova no site:

http://algarvebikechallenge.com/pt

O meu companheiro será o Valério Ferreira que participou comigo do Brasil Ride de 2010. Será a primeira competição em BTT do ano, será encarada mais como treino para o IronBike em Julho. Esta primeira fase da época mais centrada na corrida\trailrun irá se reflectir na bicicleta, mas já pus o Valério de sobre aviso para não ir com muita pressa....