sexta-feira, outubro 17, 2014

Exploring the Dolomites - No percurso da Maratona dos Dolomites

Depois de no dia anterior me ter aventurado pelos Tri Cimi de Lavaredo, para o dia seguinte tinha planeado fazer o percurso da Maratona dos Dolomites, ou pelo menos uma boa parte dele. 

Não vou fazer um grande detalhe da experiência que vivi. Vou ''fazer mais um ''photo report''. 

O dia amanheceu nublado, ameaçando chuva. Coloquei na mochila a roupa que tinha para me proteger desse tempo e parti à aventura. 

Para sair de Cortina tem que se subir por isso passei uma boa parte da manhã a subir até ao Passo Giau aos 2300m de altitude. Cruzei-me com dezenas de ciclistas, quer a subir, quer a descer. A cultura do ciclismo aqui é algo fascinante. Os hotéis e os restaurantes na entrada tem placas dizendo ''Cyclists Welcome'', os refúgios estão repletos de bicicletas à entrada, as estradas tem pinturas alusivas às corridas que por lá passam, existem ''monumentos'' de homenagem à bicicleta por todo o lado...uma realidade à parte.

Foi muito engraçado voltar a Arabba. Tinha lá estado em 2007 no TransAlp. A cerca de 2Km da cidade tive uma deja vu, pensei, já tive aqui. Olhava à minha volta e sentia que ali tinha estado, mas não sabia em que momento foi. Quando cheguei à cidade percebi que ali tinha terminado uma etapa do TranAlp em 2007. 

Em Corvara encontrei uma cidade já engalanada para receber a Maratona dos Dolomites, com banners já por todo o lado. As montanhas à volta desta cidade são arrepiantes!

Subi ao Paso Valparola e desci vertiginosamente para Cortina. Tempo de fazer as malas.

No dia seguinte regressei a Portugal onde fui recebido pelos amigos no aeroporto. Que bela surpresa. 

Apesar da componente de aventura deste dia ter sido mais controlada. foi vivida intensamente e foi extremamente bonita. 


















































Sem comentários :

Publicar um comentário

João Marinho
Mountain biker, trail runner & adventure sports addict