segunda-feira, abril 09, 2012

CP - Comboios de Portugal NÃO GOSTAM DE BICICLETAS!!

Desde a nossa saída de Livração em Amarante o revisor dos comboios avisou-nos que não seria fácil fazer o que tínhamos em mente, isto é, ligar, Amarante, Porto, Lisboa. Évora, Beja, Tunes, Lagos e novamente o regresso à Amarante em comboio. Iríamos utilizar praticamente todos os serviços disponíveis da CP: Regional, Alfa Pendular e Inter-cidades. As várias experiências com os Comboios de Portugal iriam resultar numa visão detalhada de como interage esta EMPRESA PUBLICA com os utilizadores da bicicleta.
Antes da viagem contactei a CP a explicar o que pretendíamos fazer: Ligar o Norte a Sul utilizando um misto de comboio, com bicicleta fazendo assim uma ''experiência'' que serviria de exemplo para outros utilizadores nacionais e internacionais. A resposta que veio do outros lado: '' Vocês não podem transportar a bicicleta nos comboios que pretendem (Alfa pendular e inter-cidades)'' Eu respondi que já tinha transportado no passado e que iria ''tentar'' fazer novamente, porque além de termos tudo programado, seria a prova dos nove acerca do serviço prestado pela CP.
Mais tarde esta viagem será divulgada em meios de comunicação social, portugueses e brasileiros.


À medida que íamos ''avançando no terreno'' de Norte para Sul, conhecemos todo o tipo de revisores, desde os mais simpáticos que até pedalam, até aos MEGA Antipáticos que parecem que vêem o demónio quando olham para uma bicicleta. A primeira reacção é dizer '' É PROIBIDO ANDAR COM BICICLETAS NO COMBOIO''. Apenas é permitido nos comboios regionais e urbanos...hellooooo CP??!!! Em que ''planeta tu vives?'' Estamos no século XXI, um século que está e será cada vez mais marcado pela mudança de mentalidades relativamente à protecção do meio ambiente onde a bicicleta desempenha um papel essencial nessa ''revolução''.
É inadmissível que a CP, Comboios  de Portugal, empresa publica, isto é, de todos os Portugueses que tem por obrigação desempenhar um serviço de utilidade publica, não se adapte ao século XXI!! A CP tem vindo a acumular prejuízos ao longo dos últimos anos tão somente por incompetência dos seus gestores. Está na hora de ''abrir as portas'' às bicicletas, estas não são nenhum demónio nem colocam em risco a segurança dos outros passageiros como nos foi dito por um revisor prepotente e mal disposto que literalmente nos expulsou do comboio na Gare do Oriente. Um empresa na banca rota pode e DEVE se esforçar por captar novos clientes, não EXPULSA-LOS dos comboios!
Já viajei de comboio em vários países do Mundo, uns mais evoluídos que Portugal, outros nem tanto mas em todo os lados encontrei um vagão dedicado às bicicletas. Sem complicações, sem pagamentos extra, sem burocracia nem hipocrisias. Aqui, neste país à beira mar plantado, cheio de brandos costumes e com inercia para mudar coisas tão simples como esta que relato, apenas os comboios regionais e urbanos tem um espaço para colocar as bicicletas.
Disseram-nos que tínhamos de desmontar a bicicleta e coloca-las num saco...se isto cabe na cabeça de alguém?? Certamente que quem ''ditou'' esta lei não usa a bicicleta, usa um belo Mercedes pago pelos contribuintes Portugueses. Se há coisa que eu levo no bolso, é um saco para transportar uma bicicleta, que tiro sempre que preciso e quando não preciso coloco no ecoponto!! Se viajo em bicicleta, como posso eu transportar um saco para colocar a bicicleta? Sacos esses que pesam bastante e que ocupam muito espaço!!



Construir ciclovias, dotar as cidades de condições para uma utilização diária da bicicleta, promover a eco sustentabilidade dos transportes, esbarra em posturas deste género da CP. A CP é de todos os Portugueses, de todos os que usam ou não a bicicleta, mas principalmente para aqueles que a usam, manifestem-se, revoltem-se e mostrem que este veiculo ecológico, pratico e saudável merece o seu lugar em TODOS, sim TODOS os comboios da CP!!!



Esta viagem que fizemos, ligando o Norte ao Sul, fazendo troços a pedalar, outros de comboio é certamente algo que nós Portugueses queremos e que os estrangeiros que nos visitam também. Não basta só permitir nos regionais e nos urbanos, é necessários que TODOS estejam dotados de condições para transportar as bicicletas. O que adianta permitir que os comboios regionais\urbanos transportem bicicletas? normalmente estas distancias podem ser feitas de bicicleta, chega a ser irónica a postura da CP! As bicicletas merecem ter lugar não só nos comboios, mas também nos autocarros, mas isso é outra ''batalha'' que será travada.

Deixo aqui algumas fotos para os senhores gestores da CP tirarem ideias...


 
 

Transportar bicicletas em comboio já não é coisa nova não...

 

A pensar na necessidade urgente de mudança das mentalidades de quem manda na CP, aderi ao movimento no Facebook: ''A FAVOR DAS BICICLETAS NOS COMBOIOS JÁ!

Podem também aderir a este movimento aqui:
http://www.facebook.com/bicicletasnoscomboios

Conto com o vosso apoio.

25 comentários :

  1. João pergunta lá aos gestores da CP se não existem transportes nos comboios, pras grandes bombas que eles usam pagas por todos nós, Mercedes e equiparados.

    ResponderEliminar
  2. Mais uma vez,Parabéns João pela tua forma de te expressares, um texto prefeito, digno de ser lido e interpretado por qualquer daqueles gestores da CP, ou ainda por um daqueles animais da selva,mascarados de revisores.
    Decerto num país onde cada dia temos menos possibilidades de viajar nos nossos carros, não seria demais mudar a estratégia e incluir cada vais mais todas as condições para acolher mais e mais possíveis clientes a viajar de comboio.

    ResponderEliminar
  3. enfim!!! estamos num país que gosta é so da bola , isso é que da muito dinheiro!!!

    ResponderEliminar
  4. Eu tambem já fui expulso de um comboio, e a meio da viagem quando regressava de Santiago de compostela, e a meio da viagem, assim que entramos em terras Portuguesas! Triste fado o nosso!

    Sergio Fino

    ResponderEliminar
  5. Sabes que os comboios andam sempre "à pilha", ou seja carregados de pessoal! Parte da malta até vai em pé, tal a quantidade de pessoal! ENFIM isto é VERGONHOSO!!!!!!!!!!!!
    Já me aconteceu algo idêntico a mim e uns Amigos e num regional. Ao que parece o revisor não sabia que podíamos viajar com as bikes no comboio. Após uma breve conversa deixou-nos entrar e mandou-nos ir para a ultima carruagem pois lá raramente ia alguém, disse ele... Mas foi preciso pressionar caso contrário não íamos. Portugal no seu melhor!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá Marco, obrigado pelas tuas palavras. Eu também acho vergonhoso e não irei baixar os braços até que algo seja mudado! Um abraço!

      Eliminar
  6. Boa tarde João tens aqui uma fotos que devias publicar no facebook no movimento para mostrar como se transporta bicicletas noutros paises assim talvez os directores da CP e Fertagus as usem e seria um incentivo ao uso da bicicleta para as deslocações aos locais de trabalho.

    Um abraço
    Jorge Guerreiro

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá Jorge,
      Já coloquei as fotos na pagina do FB. Um abraço e obrigado pela preocupação!

      Eliminar
  7. Soube hoje que foi encerrado o serviço regional que ligava Tunes a Setubal e que usava para ir pedalar ao Algarve e de regresso. Para além da falta que certamente fará a todas as povoações do interior, cada vez mais esquecidas, remete os cliclistas para as regras absurdas que a CP nos impoe para transporte de bicicletas. E ainda tem coragem de ter uma pagina com o nome EcoCp. Deviam é ter vergonha!!

    Está na hora de lancar um protesto a sério e fazer valer os nossos direitos! Podem contar comigo!!

    Sergio B.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Sérgio,obrigado pela partilha de informação! Esta postura da CP tem que mudar e todos vamos fazer força para que isso aconteça!

      Eliminar
  8. Bom artigo!!
    Afinal as mentalidades dos gestores desta empresa CP, deixa muito a desejar. Portugal mantém este tipo de comportamentos, que não se encaixam minimamente na modernidade, nem nas novas mentalidades nem nos comportamentos de vida das pessoas. Pior ainda é não contribuírem e ou incentivarem para os cidadãos terem um outro tipo de vida e muito mais saudável.
    Como moro na Holanda à muitos anos, posso fazer a comparação.

    Um abraço
    josé Xavier
    http://josexavier1.blogspot.com

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá Xavier,
      Obrigado pela sua partilha. Fiz questão de divulgar na página do Facebook:
      http://www.facebook.com/bicicletasnoscomboios
      Espero que esta mentalidade retrograda mude e que Portugal caminho em direcção ao século XXI!
      Um abraço!

      Eliminar
  9. Gostei de ver a minha opinião compatilhada.
    Um abraço
    Xavier

    ResponderEliminar
  10. Está aberto o caminho:
    Resolução da Assembleia da República n.º 43/2013. Recomenda ao Governo a criação de condições para o transporte de bicicletas na CP

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Vamos ver se CP aprova, mas já é um pequeno grande passo para os utilizadores das bicicletas.

      Eliminar
  11. NÓS SOMOS UM PAÍS DO 3 MUNDO A CP PODIA TER MEIA CARRUAGEM PARA BICICLETAS, MUITA GENTE GOSTAVA DE IR PARA O DOURO E LEVAR A BICICLETA PARA LÁ PODER PASSEAR

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigado pelo comentário e vamos continuar a manifestar a nossa vontade de mudar a postura da CP!

      Eliminar
  12. Fui sem dúvida uma grande aventura. Eu, por exemplo quero levar a minha bicicleta de Beja para Lisboa. Como raio é que vocês fizeram para as meterem no intercidades?

    ResponderEliminar
  13. Fui sem dúvida uma grande aventura. Eu, por exemplo quero levar a minha bicicleta de Beja para Lisboa. Como raio é que vocês fizeram para as meterem no intercidades?

    ResponderEliminar
  14. Miguel K2 Sampaio12:26 da manhã

    Olá Caro Confrade João Marinho

    Posso-te dizer que já me fartei de andar de bike nos comboios principalmente vindo de Compostela, no entanto e para espanto meu no passado dia 1 de Maio fui convidado a sair dum comboio de Barcelos para o Porto pelo revisor dizendo que era proibido o transporte das bicicletas naquele comboio.
    Fiquei perplexo e não tive outra alternativa senão sair na estação seguinte.
    Vim depois a saber que a CP colocou mais um paragrafo nas condições de utilização nas bikes por composições não terem condições para o transporte.
    Andamos de cavalo para burro.
    Apenas digo, João Marinho, que senti envergonhado por uma companhia fazer tal coisa, acredita.

    1 abraço e um queijo da serra
    Miguel K2 Sampaio

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá amigo Miguel,
      Fiquei a saber ontem pela boca de um revisor dessa mesma ''actualização'' da CP. É triste esta postura de uma empresa que só dá prejuízo. Em vez de atrair clientes, afugenta-os, é lamentável!
      Esperemos que o ruído feito seja de tal forma grande que os faça mudar de postura.
      Boas pedaladas!

      Eliminar
  15. Bom dia, eu gostaria de levar a minha bicicleta no alfapendular de faro para o Porto, mas o que diz nas condições é que tem de ir desmontada e naqueles "cubos" das malas, como é que faço? É que a bicicleta não cabe :\

    ResponderEliminar
  16. Bom dia, no Alfa para levar a bicicleta tem que ir de facto desmontada. É necessário um saco próprio ou pode embrulha-la em plástico de ''bolhas'' ou daquele de embalar ''fita filme'' Para caber nos compartimentos, terá que desmontar as rodas. Sugiro que passe numa loja e peça ajuda caso não se sinta à vontade para tal tarefa. Espero ter ajudado.
    João

    ResponderEliminar
  17. É curioso como é que uma empresa pública como a CP, que vive do dinheiro dos impostos roubados a todos os contribuintes, não tenha a vergonha de prestar um serviço exemplar a toda a comunidade, que somos todos nós, portugueses, que os sustentamos, para que tenham o seu vencimento ao final do mês.
    Mais ainda, a minha vontade, já que estamos em abertura de mercados, era ver esta empresa privatizada, para que em primeiro lugar desse lucro e em segundo que todos aqueles que lá trabalham saibam VERDADEIRAMENTE o que é trabalhar numa empresa de prestação de serviços.
    É ridículo e perfeitamente anormal que não possa ser efetuado o transporte de bicicletas em comboios.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. A polémica continua, há alguma abertura da CP, mas ainda temos que batalhar mais para conquistar os nossos direitos enquanto utilizares e contribuintes.

      Eliminar

João Marinho
Mountain biker, trail runner & adventure sports addict