terça-feira, maio 21, 2013

Rotas do Marão 2013

Correr na minha cidade natal é sempre uma sensação ''estranha'', mas é algo que me dá muito prazer porque normalmente nunca passo nestes trilhos com tanta velocidade e com os batimentos tão lá em cima.
Organizado pelo Aventura Marão Clube, o Rotas do Marão já vai na sua 8ª edição. Um evento de BTTistas para BTTistas que prima pela boa organização e dedicação de todo o staff. Mais uma vez fui surpreendido por novos trilhos e novas ligações. A gente está sempre a aprender! O tempo fresco fez-se sentir, no ponto mais alto do percurso, junto à pousada do Marão, lembrei-me bastante dos manguitos...mas vendo as coisas pelo lado positivo, não apanhamos chuva durante a prova e o consumo de líquidos foram bastante reduzidos. Nem um bidon de 500ml gastei!


Parti com a convicção que iria dar o meu melhor e fazer tudo para me divertir. Assim foi desde o primeiro metro de prova. Logo nos kms iniciais fiquei isolado com o Amarantino, o grande vencedor da DBR 2012 e amigo de longa data - Rui Guimarães.  Ambos concordamos em fazer a prova juntos. Pessoalmente e competitivamente falando, eu nunca iria atacar o Rui. É daquelas coisas que eu não conseguia fazer, mesmo sendo uma prova. No máximo poderia responder aos ataques, mas o Rui também partilhou o mesmo sentimento. Amarante, a amizade e a competição saudável venceram o Rotas do Marão.


Fizemos toda a prova juntos, puxando e incentivando um pelo outro. Os kms passaram mais rápido desta forma. Quando demos por ela já estávamos a descer para Amarante sempre com um sorriso nos lábios e em grande curtição. 
Chegamos isolados à meta, sem nenhum querer ganhar. Eu venci a prova em 2012, o Rui não participou porque tinha-se casado no dia anterior. Este ano a vitória foi dele! Para mim foi um acto de reconhecimento enquanto pessoa e atleta que o Rui é. Parabéns Rui!


Algumas Notas
  • Nem eu nem o Rui paramos nos abastecimentos, apenas paramos numa fonte em plena Serra do Marão para completar o bidon. 
  • O meu bidon ficou algures na Serra, saltou fora da grade e partiu-se. Espero que a organização o recolha quando desmarcar o percurso. Breve também irei passar pelo mesmo trilho e verifico se ainda lá está e recolho-o eu!
  • A poucos kms da meta o meu pneu de trás perdeu um pouco de ar, claro está que o Rui parou e ajudou-me a repor a pressão cedendo-me o seu CO2.
  • A placa da minha bicicleta também ficou perdida na Serra, simplesmente foi-se partindo aos bocados. O material que usado tem de ser repensado porque houve mais pessoas a ter este problema. O Rui e o GPS foram as ''testemunhas'' que passei em todos os controlos, se é que duvidas houvessem...
  • Obrigado à Ana e Maurício Cavadas pela vossa ajuda na lojinha da DBR. Sem palavras para descrever o vosso apoio!
  • Parabéns à organização pelo trabalho efectuado. Escolha do percurso, marcações, abastecimentos (apesar de não ter parado, sei que eram de qualidade), simpatia, almoço patrocinadores, troféus dos vencedores..nada falhou.
  • Parabéns ao Luís Leite que terminou a prova em 5º lugar na Maratona. A evolução continua.
  • Obrigado à Cofides por me permitir usar o equipamento Mountain Quest. Sem a ajuda deles não teria testado o melhor e talvez mais bonito equipamento que usei até à data! Testado e aprovado! 
Mais sobre o Rotas do Marão aqui: http://bttrotasdomarao.blogspot.pt


Até para o ano!

No próximo fim de semana vou trocar as rodas pelas pelas sapatilhas e desafiar-me a mais um ULTRA TRAIL. Fiquem desse lado!

Sem comentários :

Enviar um comentário

João Marinho
Mountain biker, trail runner & adventure sports addict