sexta-feira, setembro 30, 2011

Expedição Dourada - Descendo o Rio Douro em Kayak

Douro....

Um rio mágico de uma beleza indescritível será o palco da nossa próxima aventura (Luciana Cox e João Marinho). Não será a pedalar como é habitual, mas sim a remar...a remar num caiaque oceânico de dois lugares (k2). Esta será para mim a maior aventura da minha vida pois junta um desporto praticamente novo para mim num cenário inóspito e muitas das vezes ''assustador''. O nosso objectivo é ligar Miranda do Douro ao Pêso da Régua.

 
 
 

Uma extensão de 210km que percorre todo o Parque Natural do Douro Internacional e onde temos 5 barragens sem eclusagem (Miranda do Douro, Picote, Bemposta, Aldeadavilla, Saucelle). Estas barragens que não permite a passagem através delas o que obriga a contornar pela costa. Esta é razão pela qual teremos o amigo Rui Simonetti elemento em terra que nos ajudará nesta tarefa. Passagem pela costa implica resgate na costa antes da barragem, carregar o caiaque no carro e colocação depois da barragem. Douro Internacional significa que de um lado do Rio é Portugal e do outro é Espanha.



Depois do DI temos 3 barragens, Pocinho, Valeira e Régua mas estas já tem eclusagem que permite passagem dentro delas através as eclusas onde passaremos juntamente com outros barcos.  Aqui já não precisamos de apoio em terra e possivelmente já dormiremos junto da civilização. Até lá vamos dormir em tenda junto à margem onde for possivel com o deslumbrante cenário do Alto Douro Vinhateiro.

 
Sobre o caiaque, a empresa Sipre...quer dizer os amigos da Sipre associaram-se a esta aventura e ajudaram-nos nesta expedição. Depois de visitar as instalações em Esposende percebemos que estamos junto a pessoas que partilham o mesmo tipo de paixão pela aventura. Artur Pereira, fundador da Sipre há 20 anos atrás apresentou-nos a fábrica, explicou-nos o processo de fabrico dos caiaques e falou-nos das expedições ao Polo Norte e tantos outros locais no mundo, tal nós fazemos com as bicicletas. No final encontramos amigos em comum, quer de Amarante, quer do Brasil...como o mundo é pequeno!!



Amanhã arrancamos então em direcção a Miranda do Douro, cerca de 4h de carro desde Amarante com um barco de 6,50m em cima do carro e muita expectativa dentro de nós.  Depois da Douro Bike Race vamos conhecer o Douro de outro ponto de vista!


Estejam atentos ao meu blog e ao da Luli Cox

Até já! 

5 comentários :

  1. Muito bom..... procura trilhos a partir do Rio e depois tenta fazer de bicicleta, melhor.... em 2012 dá esses trilhos a conhecer à malta! "Boa viagem"!

    ResponderEliminar
  2. Vitor Ribeiro8:16 da tarde

    Beeemmmmm!! da-sssseee!!! que dizer disto!??, mete medo! mas espero que tudo corra (ou deslize) bem!!, é uma aventura para viver ao máximo e para mais tarde recordar!!!, força aos dois!!!

    ResponderEliminar
  3. Mais uma aventura... e que aventura!!

    Divirtam-se e partilhem aqui com a malta essas imagens brutais do nosso Portugal ;)

    ResponderEliminar
  4. Invejo tanta cumplicidade!!!
    João Ratão, cuida bem da Carochinha!

    Abreijos.

    ResponderEliminar
  5. Olá João, depois que os joelhos me pregaram a partida essa está a ser a minha onda. Desde julho que faço canoagem com a equipa ABC Fridão. Tu de perna és forte agora vais pôr-te á prova de braços. Aquilo é mais dificil do que parece, exigente fisicamente, abdominais e lombares trabalham muito e claro os braços. O primeiro empeno que levei (sim pq já levei) fiquei a pensar o que faço agora enclausurado entre duas paredes sem poder colocar o pé no chão. Era mais facil pousar a bike e deitar, mas aqui só se me deitar ao rio.....
    Tudo vai correr bem e vai ser mais uma grande aventura

    Abraços

    Vitor Cunha

    ResponderEliminar

João Marinho
Mountain biker, trail runner & adventure sports addict