terça-feira, janeiro 31, 2012

Douro Bike Race 2012 - Almost Ready!!

Pelos vistos tem havido duvidas sobre a organização da Douro Bike Race em 2012 e quero deixar claro que o evento será organizado. Estamos a trabalhar arduamente para que o evento seja novamente um sucesso em 2012, assim como foi em 2011. Agradecemos a vossa compreensão e muito em breve vão ter novidades.

A Douro Bike Race é um projecto antigo da Nexplore. Parte de pessoas que partilham tal como vocês uma grande paixão pelo BTT . Pessoas de vários quadrantes, desde a competição ao lazer que percorreram e percorrem a região e o mundo participando noutras provas semelhantes e fazendo aventuras e expedições.


No Facebook
Podem estar a par das ultimas informações na página oficial da Douro Bike Race no Face Book. Aqui  podem encontrar fotos das ultimas duas edições, imagens dos reconhecimentos, tirar rapidamente as vossas duvidas e manter-se informados sobre a DBR.


Dados do eventos

A data é de 13 a 16 de Setembro de 2012 (de quinta a domingo)

Os kms por cada etapa serão aproximadamente :
  • Prólogo - 10km
  • 1ª etapa - 80km
  • 2ª Etapa - 90km
  • 3ª Etapa - 45km
A ideia do prólogo é levar a prova ao encontro da população e permitir que os atletas mais lentos vejam os atletas mais rápidos em pista e o contrário também. As partidas serão (em principio) de 30 em 30segundos.
A ultima etapa será mais curta para que todos possam regressar a casa cedo durante o dia de domingo e para aqueles que tenham voos no mesmo dia, tenham assim tempo para o fazer.

Níveis
Teremos também os mesmos 3 níveis : EPIC | RIDE & ADVENTURE mas com alterações:
  • EPIC - 4 DIAS (De quinta a domingo)
  • ADVENTURE - 2 DIAS (Sábado e Domingo)
  • RIDE - 1 DIA - (Domingo)
Temos assim níveis para todos, desde os mais preparados aos menos bem preparados.


Informações sobre 2011
Podem encontrar vários relatos e mesmo a cobertura mediática do evento no meu site :

http://www.joaomarinho.com/search/label/DBR%202011%20Clipping

Aliás, no meu site encontram tudo o que precisam de saber sobre a DBR. Tem uma barra lateral com as informações da prova:
Se querem tirar duvidas sobre o evento ou sobre outro qualquer assunto que sintam que eu possa ajudar, estejam completamente à vontade! 




are you ready?

PRESS

Escrever e comunicar sempre foi uma grande paixão! Neste menu podem encontrar todas as publicações na imprensa ao longo dos últimos anos. Irão encontrar entrevistas para a rádio e televisão, noticias, artigos escritos por mim sendo contados assim na primeira pessoa sobre as experiências vividas. A lista abrange não só os artigos que escrevo e que descrimino, mas outros órgãos tais como :
(Clicar para abrir)

As publicações estão ordenadas por anos onde detalho os artigos por mim escritos:
(Clicar para abrir)

Além destes artigos irão encontrar muitos outros de outras provas nacionais e internacionais.  

Boa leitura!


Mountain Quest - Aniversariantes

Aniversários assim são únicos...fiquei bastante feliz por ter participado neste dia especial para estes dois grandes amigos!



Filipe Pereira, 30 anos - Aveiro



video

Jorge Leal - 39 Anos - Paredes


video

Foi sem duvida uma forma original de celebrar o aniversário! Eu como ''organizador'' agradeço a oportunidade de vos brindar com o Mountain Quest e de vos ter proporcionado este convívio! 

segunda-feira, janeiro 30, 2012

Artigos João Marinho 2012

ECO Turismo - Bonito - Mato Grosso do Sul - Brasil - Revista Bicicleta

ECO Turismo - Bonito MS - Brasil

 
RALLY DI ROMAGNA 2012 - JORNAL DE AMARANTE Jornal de Amarante - Rally Di Romagna


RALLY DI ROMAGNA - REVISTA FREEBIKE AGOSTO 2012 

Rally di Romagna - João Marinho

Mountain Quest - Lendário!

O Mountain Quest foi lendário por todos vários motivos...pelo percurso, pelas serras, pelo frio, pelas subidas, pelos participantes, pelo convívio, pelo jantar, pela conquista pessoal...não tenho palavras para descrever tudo por isso em seguida transcrevo algumas das palavras que os participantes escreveram sobre este dia. 

O meu dia...
Saída ás 06.30h em frente ao Mosteiro de S. Gonçalo. Cerca de 140 amigos enfrentaram o percurso mais duro que alguma vez tinham feito na vida. Fiz grande parte do percurso na companhia do Nelson Garcia e do André Alves...completamos os 162km em 13h aproximadamente...foram momentos inesquecíveis onde partilhamos o esforço, as paisagens, a comida, as fotos, a entreajuda e a alegria de ''missão cumprida''! 
O Mountain Quest foi uma jornada épica que ficará na historia de todos! Obrigado por aceitarem o desafio....e até breve!

 

Mountain Quest by Sérgio Pinho – Espinho

Tive um sonho espectacular... Sonhei q me tinham convidado para ir a Amarante dar uma voltinha de bike pelas serras que lá existem... Aboboreira; Marão; Alvão... Quem me convidou foi o João Marinho o embaixador do BTT em Portugal (e não só)... Aquilo que me lembro foi que aceitei  imediatamente, mas como não queria ir sozinho telefonei a vários amigos para me fazerem companhia, um deles de Loures... Assim q chegou o dia de ir ate la, já muito se tinha falado na net sobre a tal voltinha de bike... Tal como eu e os meus amigos também outros amigos do João foram ate Amarante... Talvez 120 malucos.
Realmente quando sonhamos tudo é possível, ate sonhei q o Nelson Garcia tinha vindo do Alentejo de autocarro para pedalar os 162 kms com mais de 5.000 metros de acumulado de subidas, e que a Luciana veio do Brasil sem  o seu namorado João Marinho saber... A Clara e o Luís de Lisboa... No meu sonho tivemos direito a tudo, ou seja; dormida, comida, banhos, tracks para o GPS com 3 percursos diferentes...
Chegando o momento de dar aos pedais o frio era forte, mas a vontade era ainda mais forte e como estava a sonhar dava para aguentar... ouvi alguém dizer que os primeiros 60kms eram a subir,  por isso era melhor ter calma para não dar o corpo pela alma... e assim foi feito... o amigo Vieira estava com tanta vontade q ao km 15 deu meia volta e foi embora com uma lágrima ao canto do olho e com o desviador de trás partido... snif snif para ele e para nos:(

As paisagens ao longo do dia eram de cortar a respiração, respiração essa que teimava em estar sempre acelerada... não sei bem porquê... talvez por estar sempre a dar ao pedal;)
Como a ementa era a escolha do freguês, eu e o Damas escolhemos o prato que melhor se adequava ao nosso gosto: o Quest "A"... 95 kms com 3.500D+... e posso dizer que ficamos satisfeitos... muito mesmo.
No final de tudo isto ainda tivemos direito a bolo e uma boa dose de convívio com pessoas fantásticas...
Que grande sonho... foi um sonho tão fantástico que ate me estão a doer as pernas... agora estou na duvida!!!! Terá sido um sonho ou foi real...!!!?
Obrigado João Marinho pela forma como partilhas com os outros... Obrigado Zé por seres amigo... Parabéns a todos os que também viveram este sonho e em especial para quem deu ao pedal durante os 162kms...
XMILE;)

 
 


Mountain Quest by Nuno Vitorino– Povoa do Varzim

Sem palavras para descrever este Mountain Quest organizado pelo João Marinho!!! Dureza extrema à parte, as paisagens e os trilhos foram verdadeiramente deslumbrantes e nem as temperaturas baixíssimas conseguiram estragar o lindo dia de sol de Inverno! Embora o GPS tenha ficado esquecido em casa com o pânico de última hora, os companheiros de aventura foram fenomenais e tudo correu muito bem! Obrigado João por tudo o que nos proporcionaste! Estou ansioso que venha o próximo, seja lá quando for! :) Um grande abraço para todos e boa recuperação!

 
 


Mountain Quest by Nuno Oliveira - Braga

Queria desde já agradecer ao grande João Marinho pelo empeno de ontem foi tudo fenomenal, mais uma vez demonstrou que é fantástico na organização de eventos e que sabe como ninguém provocar empenos aos participantes.
Estava tudo fenomenal como sempre.
Parabéns pelo que tens feito em prol pelo btt e a felicidade que trazes a todos estes malucos que alinham nestas aventuras

 


Mountain Quest by Josué Duarte - Lisboa

João Marinho , Muito obrigado por criares este desafio .
O percurso é Bombástico . Grandes subidas e partes bem técnicas .
Não conhecia a região e adorei pedalar aí .
Tive a Sorte de chegar à Srª da Graça no exacto momento que o Sol se pôs .
Foi magnifico . A vista vale bem a pena .


 


Mountain Quest by César Bernardo -  Moimenta da Beira

Quando hoje de manhã fui desentorpecer os músculos das pernas em bicicleta de estrada (não Luciana, não tive frio em fazer estrada com 0ºC) e me deslocava desde Moimenta da Beira até Lamego, fui durante muitos quilómetros a apreciar aquela imponência ali, umas vezes do meu lado direito, outras mesmo em frente, e pensava, 'grande maluquice quando ali ontem mais de 100 "adrenalinodependentes" aquele maciço rochoso subiram, desceram e voltaram a subir, e eu feito doido... também!' Sim, era para o Marão que eu olhava e em pensamento dialogava, ele que estava mesmo ali, entre 20 e 30km de distância em linha recta, mas de tão monstruoso que é, parecia estar muito mais perto!
Mais sobre o relato do César aqui

Mountain Quest by Duarte Martins  - Mondim de Basto

Desde já começo por agradecer ao João Marinho por nos ter feito este desafio e como não podia deixar de ser está de parabéns pelo trajecto escolhido e pelo cuidado na sua preparação, sinalizando sempre os locais de perigo e de maior interesse não deixando nada ao acaso. Depois como não poderia deixar de ser agradecer ao meu parceiro do pedal João Pimenta pela companhia e pela preparação da minha bike que esteve 5 estrelas e por último ao Manuel Mário por nos ter disponibilizado o GPS o que nos permitiu andar ao nosso ritmo e termos feito os 136km já que tive problemas com o meu GPS. Foi um dia memorável quer pelo espírito de grupo entre todos os participantes quer pela paisagem que este aventura nos proporcionou.
Um muito obrigado a todos e até ao próximo desafio que espero que seja em breve.

 
 


Mountain Quest by Rafael Moura - Amarante
Mountain Quest 2012. Esta foi sem duvida uma grande aventura, obrigado a todos os que partilharam comigo este grande dia e em especial ao mentor deste evento João Marinho

Mountain Quest by Jorge Damas - Loures

Em Amarante estão a construir a capital do BTT Luso. E isto não se deve à diversidade geográfica que proporciona trilhos fantásticos e paisagens de encher a alma e das boas condições logísticas, mas sim à simpatia, visão e inteligência do João Marinho. Como dizia ontem o meu amigo Sergio Pinho, não foi mais um desafio de BTT, Mountain Quest é História.

 


Mountain Quest by Victor Santos  - Porto
A equipa Ecobike Porto que aceitou o desafio do montain Quest, agradece o desafio que nos foi proporcionado, e principalmente pela maneira como o João Marinho, em cima da largada conseguiu-me emprestar um pedais (pois trouxe botas erradas) e que se n fosse essa atitude eu tinha ficado a nadar na piscina. Os pedais na próxima semana irão te ser entregues, bem como uma pequena oferta, o galhardete da minha equipa. Obrigado

Mountain Quest by Luciana Cox - S. Paulo (Brasil)
http://lulicox.blogspot.com/2012/01/mountain-quest-real-challenge.html#links


Mountain Quest by David Martins - Lisboa
Quando vi no Facebook a ideia Louca do João Marinho de atravessar as 3 Serras, Aboboreira, Marão e Alvão, fui directo ao site dele para me registar sem sequer pensar ou eventualmente questionar fosse o que fosse. Não fazia ideia no que me estava a meter....

Na mesma semana falei com o meu Amigo Zé Silva que se prontificou a ajudar com a estadia, entretanto junta- se a mim o Nélson Garcia que tive o prazer de conheçer e foi meu companheiro de viagem até Amarante. Na nossa chegada na sexta-feira revi Amigos e fiz Amigos novos :)

Sábado - o dia do grande desafio.

Levantei-me às 04:45 da manhã tendo dormido apenas 3 horas, para tomar um duche e  arrancar direito a Amarante para a concentração da partida.
Agasalhei-me bem mas logo na descida para o ponto de partida gelei até aos Ossos.
Perto das 06:30 foi a partida e lá fui eu no meio de cento e poucos Loucos que ali estavam para se superarem a eles mesmo e enfrentrar as Serras mais duras que conheço.
O inicio foi sempre a trepar e eu com esperança de aqueçer pois inda batia com os dentes do frio que tinha.

Começei a subir a Aboboreira e ai tive o privilegio de ver o nascer do Sol, Magnifico,é apenas a palavra que me ocorre para descrever o que vi, o pelotão nesta altura ja ia partido e criaram se alguns grupos com andamentos semelhantes eu encontrei um grupo com quem me sentia confortável a pedalar.

Começando a rolar na Aboboreira destaquei me do mesmo grupo e fiquei uns bons km´s a andar sozinho, entretanto ao descer um Single cheio de pedra fiquei com os braços todos doridos lol e no fim do mesmo decidi parar para recuperar e repor energias comendo alguma coisa.
Enquanto comia apareceu um grupo de pessoal por quem eu tinha passado que me perguntou por onde era e eu respondi entretanto quando ia arrancar tinha o pneu furado e esse mesmo grupo referiu " repara lá isso que nós esperamos para não ires sozinho"... Mas afinal quem é que tem atitudes destas??? Só mesmo quem gosta de pedalar e encara o Mountain Quest como um desafio pessoal e não uma "prova" "maratona" afinal aqui ninguém é o melhor do Bairro, aqui não há Vedetas :) a este grupo Especial o meu sincero agradeçimento.

Lá seguimos nós agora para enfrentar as primeiras subidas do Marão e fomos comentando quantos km´s tencionávamos fazer, a resposta foi unânime...vamos ver até onde aguentamos.... nesta altura todos começámos a quebrar uns mais tarde outros mais cedo mas todos nós fizemos subidas desmontados.

Fomos subindo, descendo comendo vendo a paisagem e tentando mantermo nos quentes a esta altura já todos nós no nosso interior sabiamos que a nossa condição fisica apenas nos iria dar para fazer o Bypass A mas lá fomos andando sem sequer falarmos sobre isso tentando gerir o nosso esforço e indo buscar energias já nem eu sei onde.

As subidas cada vez me custavam mais e com mais frequencia desmontava, a má escolha de transmissão reflectiu-se bem nesse dia, 28/40??? Não para essas Serras não.. recordei-me da subida já feita no DBR 2010 e o quanto me tinha custado subi-la com o prato de 22.....As descidas...não foi por falta de aviso em outras andanças por essas Serras mas a falta de tempo fez com que não trocasse os pneus à minha Menina, e para não furar pus 40PSI em cada pneu convertido.... ela saltava, a porrada nas costas cada vez era maior, a frente sempre a ir para onde queria, mas larga travões Zé..se travares ainda é pior... as descidas eram rápidas e alucinantes uma verdadeira montanha russa de emoções!

Chegámos às antenas do Marão e parámos para comer,  foi um autentico piquenique, eram sandes sumos tudo, uma verdadeira festa, comer no alto da Serra do marão ao olhar para o infinito onde apenas de vêm montes e vales sem fim...
Seguindo questionei por onde iriamos, foi consenssual e quase imediata a resposta do Grupo..Bypass A...
Ai fomos nós a descer e a subir alguns falsos planos onde as nossas forças ainda nos permitiam rolar a médias de 27/28 por aqueles estradões fora reconheçendo as paisagens já um dia vistas no DBR 2011.
Chegámos a Amarante em menos de nada e fiquei com o sentimento de realização pessoal, pois sabia que apesar de ter feito apenas 100KM tinha ultrapassado a fasquia de 3000mts de desnivel acumulado postivo, e as minhas capacidades fisicas apenas permitiam que assim fosse.
Aprendi bastante neste desafio, aprendi que a ajuda apareçe onde menos esperamos, aprendi que que termos a noção das nossas capacidades nos pode salvar nestes casos, aprendi que no Marão usam se pneus Tubeless e cpm pressão mais baixa lol.

João Obrigado pelo convite, se não houver mais nenhum Mountain Quest este Ano vemo-nos no DBR 2012.
Obrigado Zé pela Hospitalidade e a todo o restante pessoal a simpatia e ajuda.
Serra do Alvão vou treinar para te conquistar também ;)
Vocês proporcionaram-me um fim de semana Épico. :D

Mountain Quest by Jorge Leal - Paredes

Ontem, no início do Quest, o João Marinho, perguntava: Mas afinal o que os levou a aceitar este desafio? Nessa altura disse: O próprio desafio, a aventura, as paisagens e porque um dia de aniversário "perfeito" teria que meter bikes pelo meio. Ao final do dia, só podia agradecer este dia, o o presente que me preparou. Afinal, mais do que as expectativa foi a forma sublime que elas foram ultrapassadas! Muitas vezes dei por mim a pensar...como é que o João descobriu isto!?!?!? Enfim...muitos anos, muitos km e uma paixão desmedida por andar de bicicleta! Obrigado por partilhares o teu saber!!

Nos meus 38 aniversários passados tive muitos e fantásticos presentes. Uns estão religiosamente guardados, outros comeram-se ou beberam-se, uns destruídos, outros estragados, alguns rompidos e desgastados...o presente deste ano só o "Sr. Alzheimer" me vai fazer esquecer!! Obrigado João!

  
Mountain Quest by Juan Loureiro – Pontvedra - Espanha
Maravilloso fin de semana en Amarante,precioso lugar.Fui a disputar la Mountain Quest,carrera de 169 kms y 7000 de acumulado.He sufrido como en mi vida,costó sudor y lágrimas acabar.Me trataron muy bien como siempre en Portugal,la ruta más bruta de mi vida.Con los dias tendré una conclusión más estable de lo que la ruta fué...pero hoy me extraño mucho de lo resistido.
Mountain Quest by Helena Remígio – Lisboa
João obrigado pela tua LOUCURA. Adorei! Mais umas vez as serras de Amarante deixaram-me FELIZ! Um grande obrigado a todos os meninos esperaram por mim nas descidas e nunca me deixaram sozinha nos 90km. Como se costuma dizer: "quero mais!" bjs lena




Mountain Quest by Filipe Pereira - Aveiro

O meu Mountain Quest: 94kms /3.500 Acum.+

Comentário do Mountain Quest: "...isto é desumano!!!" :D
Sem duvida o maior Empeno da minha Vida!
O meu OBRIGADO a TODOS os envolvidos neste grande dia e em Especial ao João Marinho & Zé Silva.
Venham mais Quest´S :P

Love The Ride :)

Mountain Quest by João Carlos - Aveiro


http://geotrilhos.blogspot.com/2012/02/rescaldo-mountain-quest-conquista-das-3.html


Mountain Quest by Rui Guimarães – Amarante 
Mountain Quest :Total 162km /acumulado 5130D+ /16,2Km/h velocidade média. Onde estava a dificuldade? :)

Mountain Quest by Rodrigo Machado - Lisboa
Serra da Aboboreira + Alvão + Marão + Sra da Graça = Mountain Quest concluído. 162 km's de MTB com 5130m D+, 16.2 km/h de média. Pedra, pedra e mais pedra! Xiça!

Mountain Quest by Nelson Garcia - Lisboa 
Mountain Quest Concluido. Obrigado João Marinho por tudo. Obrigado Zé Silva (recupera depressa, a Serra chama por ti). Percurso FANTÁSTICO, companhia bestial... não podia imaginar nem pedir melhor. Forte Abraço. Venham novas aventuras!
 

 


A minha noite...
No dia antes a Luciana convenceu 4 amigos a partir à 01.00h da manhã para tentar compensar a diferença de andamento...passei uma noite em sobressalto, mas aproveitamos para ''hidratar'' num dos bares de Amarante com mais uns amigos...assim caso fosse preciso algo, estava pronto para o que desse e viesse....que noite! A meio da noite o Zé Silva e a Anita levaram chá quente ao alto da Serra da Aboboreira...abrigaram-se na capela da Sra. da  Guia para o repasto... Podem ler o relato aqui...






Os aniversariantes...
Obrigado Filipe e Jorge por partilharem este dia connosco! Foi um prazer cantar os parabéns com tanta gente boa em volta! Espero que tenham gostado dos bolos e do empeno!

 
Mais detalhes em breve sobre este aniversário especial!

 
 


Toda a informação sobre este dia aqui :
Obrigado aos fotógrafos de serviço que estiveram presentes :
  • Anita
  • Francelino
  • Rui Novo 
  • Rafael Moura 

      quinta-feira, janeiro 26, 2012

      Casa da Juventude | Banhos | Jantares

      O programa será o seguinte na Casa da Juventude

      SEXTA-FEIRA

      Jantar – Começa a servido a partir das 19h até ás 21.30h
      • Ementa – Lasanha (entradas, sopa, sobremesa, pão e café)
      Apresentação do Percurso 
      • 1ª Apresentação do percurso : 20.30h  
      • 2ª Apresentação do percurso : 21.30h
      Ajuda na colocação dos tracks : Depois das 22h

      SÁBADO

      Pequeno Almoço – Servido às 05.30h (Leite, cereais, pão, compota, fruta, café, chá)
      Saída - 06h em frente ao Mosteiro de S. Gonçalo (Ver mapa)
      Jantar – A capacidade do local é para 40 pessoas por isso existem dois turnos:
      • 1º turno começa a ser servido às 19.30h 
      • 2º turno começa a ser servido às 21.00h 
      • Tenham em mente estes horários e controlem o vosso ritmo para estar cá a tempo do jantar
      • Ementa – Lombinhos com cogumelos (Entradas, sopa, pão, café e bolo)
      • Há possibilidade de ser feito um prato vegetariano para quem solicitar

      Bolo de aniversário
      O Filipe Pereira e O Jorge Leal celebram o seu aniversario no dia 28 e fazem questão de celebrar no Mountain Quest.  Como tal existem dois bolos que serão ‘’servidos’’ em cada um dos turnos de jantares. Eles e eu ficaríamos muito contentes se cantássemos os parabéns em conjunto. Fiquem para a festa e brindem neste dia que será inesquecível!

      Pagamento jantar 
      Na entrada da Casa da Juventude antes de se sentarem para jantar. O valor é 8€, venham por isso com o dinheiro certo para ajudar nas contas.  O jantar está reservado para vocês, a comida está encomendada e será preparada, por isso sejam responsáveis e não faltem ao vosso compromisso. Vejam a lista de reservas de jantares para verificar se está tudo correcto.

      Banhos - Piscinas Municipais

      Devido ao grande nº de participantes, os banhos serão nas Piscinas Municipais de Amarante, junto à Casa da Juventude (Assinalado no mapa). As instalações encerram às 21.00h, por isso depois desta hora, não haverá local para tomar banho. Espero que cheguem entre as 16h e as 21.30h no máximo. Se a partida for às 06h, tem assim 15.30h para fazer o percurso que optarem fazer. Tenham bom senso! 

      Partida
      A partida será em frente ao Mosteiro de S. Gonçalo, no centro histórico da cidade de Amarante, junto à Ponte Velha. É fácil de lá chegar, se não conhecerem, estudem o melhor percurso de lá chegar pois não haverá indicação ''especificas''. 



      Até breve amigos!

      quarta-feira, janeiro 25, 2012

      Mountain Quest - GPS - Informações

      Os tracks estão optimizados para os GPS’s actuais, os GPS’s mais antigos poderão ter dificuldades em carregar o track.  Informem-se na internet se tiverem dificuldades. Mesmo os GPS's actuais (serie EDGE) poderá não ter capacidade para suportar os pontos do track. Vejam bem isso antes de sair de Amarante.
      Na sexta poderei ajudar, mas terão que aparecer na Casa da Juventude, depois do jantar. De qualquer das formas, carreguem o track antes, porque não vai haver tempo para toda a gente e se estou a enviar o track antes, é para isso mesmo!
      Não me peçam para carregar o track no sábado, porque não haverá tempo! Os símbolos que irão encontrar no track são os seguintes:

      Tracks Vão encontrar 3 tracks e cada um destes terão assinalada a informação do quadro de cima.
      • Mountain Quest Bypass A – Marcado a verde e será o percurso mais curto
      • Mountain Quest Bypass B – Marcado a Amarelo e será o percurso intermédio 
      • Mountain Quest Completo – Marcado a Vermelho e será o percurso mais longo
      O track será fornecido em .gpx e .kml (Google Earth)



      O track de é essencial para vocês se guiarem no percurso do Mountain Quest. Não se fiem no amigo que leva GPS, pois ficam dependentes dele. Assim se vocês levarem o track, confirmam o percurso, podem ir no vosso ritmo, entre outras vantagens.
      Tenham atenção à autonomia do vosso GPS e levem pilhas suplentes se o vosso equipamento permitir a troca.


      Até breve!

      terça-feira, janeiro 24, 2012

      Mountain Quest - Descrição do Percurso

      O percurso do Mountain Quest foi desenhado recorrendo ao meu conhecimento das serras envolventes à cidade de Amarante. A ideia será fazer as piores (mais inclinadas e longas) subidas de cada uma delas, mas que servem também de ligação entre as serras. Provavelmente vão fazer subidas que jamais imaginavam fazer quer em extensão, quer em dureza. Cada trilho que as vossas rodas irão percorrer, tem uma justificação, tem um objectivo, que não apenas a dureza. Apreciem ao máximo o percurso, olhem à vossa volta, sintam o silencio, a calma, a paz que será pedalar nos trilhos do próximo sábado.

      "Sente-se um calafrio. A vista alarga-se de ânsia e de assombro. Que penedo falou? Que terror respeitoso se apodera de nós? Mas de nada vale interrogar o grande oceano megalítico, porque o nume invisível ordena:
      - Entre!

      A gente entra, e já está no Reino Maravilhoso."


      Miguel Torga



      Serra da Aboboreira
      A saída de Amarante é praticamente a subir, não dá grande tempo para aquecer as pernas, por isso comecem com calma e tenham paciência que a subida termina. A pensar na vossa segurança e porque vamos sair ainda de noite, o percurso será por estrada e vamo-nos manter em estrada e\ou estradão até ao topo da Serra da Aboboreira. A ascensão da Serra é feita inicialmente em estrada municipal, entrando depois em estradão até à Aldeia Velha. É uma subida íngreme e longa, giram bem o vosso esforço! A descida da serra é em singletrack bastante técnico, que exige muita atenção, tenham cuidado porque o dia está ainda a começar. Se tiverem sorte, vão conseguir ver o nascer do sol no alto da Serra, é um momento mágico! Antes de mudarem de Serra, trepam até ao parque eólico de Loivos do Monte. Pelo caminho vão passar nuns campos que tem umas vedações\portões que tem de estar sempre fechadas por causa do gado não fugir. Não se esqueçam de as fecharem.
      A passagem da Serra da Aboboreira para a Serra do Marão acontece ao Km 28,5, depois de uma descida bastante rápida que vos leva ao Alto de Quintela. Vocês tem de atravessar a Nacional 101, uma estrada bastante movimentada que EXIGE que parem e olhem para ambos os lados antes de atravessar. Este ponto está sinalizado no track como muito perigoso!

      Serra do Marão
      A Serra do Marão é onde está a parte mais dura do Mountain Quest, mas a mais impressionante em termos de paisagem. O percurso segue para a Aldeia de Mafomedes, uma aldeia ''perdida'' no sopé da Serra do Marão onde se vive com calma, onde os animais (vacas, ovelhas, cabras, cães) convivem com as pessoas muito proximamente. Daí inicia-se uma longa e inclinada subida em direcção ao parque eólico da Teixeira a 1330m de elevação. Este ponto é ao km 40.5. Daqui podem contemplar o Alto Douro Vinhateiro, o Rio Douro, Vila Real...um horizonte sem fim que apaixona e impressiona. Contemplem! Segue-se uma vertiginosa e longa descida com piso onde abunda a pedra até ao lugar de Alderete. 

       
       

      Quando tiverem tempo e concentração, olhem para o maciço rochoso ao vosso lado direito, aquilo é o que caracteriza o Marão! Depois de um trilho no sopé da Serra, chegam à Aldeia de Ferraria onde vão encontrar o primeiro café e conhecerem a Dona Laurinda que está avisada da vossa passagem. Aqui podem e devem parar para descansar um pouco, abastecer e conversar com as pessoas e crianças que lá irão estar. Este café está ao km49. Um pouco antes do café (100m) também encontram uma fonte onde corre água abundantemente. Depois deste café, apenas irão encontrar outro café ao km 89 (para quem faz o percurso completo), por isso façam uma boa gestão dos ''recursos''. Nesta aldeia começa a 3ª grande subida do dia, a subida para as Antenas do Marão\ Sra. da Serra que será o ponto mais alto de todo o percurso.  Depois de atravessar toda a aldeia de Ferraria, vão em direcção à aldeia de Ermida e depois ficam entregues à Serra. Será uma longa e penosa subida que irá exigir muito esforço e tempo mas que quando terminar, vocês vão regozijar-se pelo feito que acabaram de fazer! 

       
       
       

      Descem um trilho bastante técnico à saída das antenas e entram numa estrada ''meia'' alcatroada que vos leva até ao Alto de Espinho. Na descida podem atingir velocidades muito altas, acima do 60km\h, sejam prudentes pois pode aparecer um carro em sentido contrario. Depois de passar a ponte sobre o IP4 o trilho separa-se, quem vai fazer o primeiro nível, segue para a Amarante por um estradão tendencialmente a descer, os restantes enfrentam uma subida em pedra solta, inclinada e técnica. Não queimem muita energia aqui a tentar subir apesar de já ter conseguido subir uma ou outra vez, é de facto muito complicada tecnicamente. O parque eólico de Pena Suar é onde se ''despedem'' do Marão e seguem em direcção à Serra do Alvão.


      Serra do Alvão

      A passagem pelo Alto de Velão na N304 ao km 76, local onde a DBR 2011 passou, é onde marca a vossa entrada na Serra do Alvão. A N304 é uma estrada pouco movimentada, mas tenham atenção pois pode aparecer um carro e a visibilidade e escassa. Segue-se um longo estradão onde podem apreciar o Vale da Campeã assim como a subida que fizeram no Marão, olhem e apreciam aquilo que vocês foram capazes de fazer! O piso ajuda a progressão apesar das pernas provavelmente já começarem a queixar-se... Não forcem, guardem as vossas energias que ainda falta muito...pensem que nem a meio estão! Quando começam a descer o piso muda, mais uma vez volta a pedra, mas é durante pouco tempo até chegar à Barragem de Lamas de D'Olo. Aqui acontece a separação para quem vai fazer o segundo ou terceiro nível. Seja qual for a vossa decisão, parem na mítica Cabana do Alvão, está cerca de 500m fora do percurso(sinalizada no GPS), mas vale a pena. 


      Depois deste ponto não existe mais café nenhum até bem próximo de Amarante. A Dona Virgínia, dona da Cabana, tem um feitio algo ''áspero'', mas tenham paciência que é boa pessoa. Ela já está de prevenção! Aqui podem encontrar bastante comida e uma lareira caso tenham frio. Depois segue-se uma longa travessia pela Serra do Alvão num local onde estão literalmente a ''plantar'' eólicas...é o custo do desenvolvimento...mas eu já ali pedalei sem aquelas gigantes torres. Aliás, ali e em todo o percurso do Mountain Quest. Há alguns anos atrás todas as serras estavam completamente naturais e tinham outra beleza. O percurso não é plano, sobe e desce constante, rompe pernas mas as vistas superam tudo. Conseguem ver Vila Real, Vila Pouca de Aguiar e ao fundo fundo, Chaves...

       
        
      O caminho direccionar-se para a Sra. da Graça por caminhos florestais com bosques incríveis. Ao km 122 podem optar subir(Ver informação abaixo). Depois uma descida vertiginosa pelo Monte Farinha até à povoação de Caínha, segue-se a descida até a pequena ponte sobre o Rio Cabril. Espero que ainda tenham energias neste ponto, pois está reservada uma subida em corta-fogo que vos levará até Paradança. Daí até à aldeia de Fridão fazem um estradão florestal com ligeira pendente a subir. Um pouco antes da aldeia entram numa estrada municipal e logo de seguida inicia-se uma rápida descida pela aldeia. Aqui exige-se o máximo de cuidado pois circulam carros em sentido contrário e vocês atingem velocidades elevadíssimas. Os últimos kms são a ''rolar'' até Amarante e aproveitem para pensar no dia que tiveram e agradeçam por estarem vivos!



      Separação Percurso
      A dureza está ''concentrada'' nos 90km inicial, por isso é igual para todos. Mesmo optando por um percurso mais curto (A\B) é preciso ainda ter pernas para chegar à Amarante porque os cortes estão bastante distanciados da cidade. Principalmente o B, em Lamas D'Olo! 

      Bypass A
      Situado no Alto de Espinho ao km 70 significa que vocês já fizeram mais de 3500m de acumulado de subida e que já é muito bom! Desse ponto até à Amarante seguem por um estradão florestal, tendencialmente a descer. Pelo caminho encontram algumas aldeias onde tem café. Do ponto de separação até à Amarante o percurso é independente do restante Mountain Quest.

      Bypass B
      A separação do segundo e do terceiro é um caso muito sensível. No limite vocês tem que chegar ao ponto de separação às 14.30h da tarde para chegarem às 19h à Amarante. Apesar de parecer fácil, é um autentico rompe pernas. Pensem bem no que vão fazer porque o percurso na serra do Alvão é deserto, muitos sítios não há rede...apenas passam por duas pequenas povoações...se tiverem duvidas optem por desviar para o nível B.Chegando depois das 14.30h a este ponto, muito provavelmente vão chegar tarde à Amarante, irão precisar de luzes e será bem mais perigoso. O Bypass é feito com um corte ao percurso completo, isto é, vocês irão encontrar novamente o percurso dos 162km em Paradança.

      Sra da Graça
      Vocês vão encontrar no track um ponto onde o caminho vai e volta ao mesmo ponto. Será mais ou menos ao km 122. Se tiverem tempo e pernas podem fazer os 5km (2,5km a subir) adicionais e subir ao alto do Monte Farinha, valerá a pena certamente.O caminho é exactamente o mesmo, aquilo que sobem, descem de seguida.




      Meteorologia
      Tudo indica que está bom tempo, isto é, sol durante o dia. Claro que estará sempre fresco, mas é um clima agradável para se pedalar. Não será necessário roupa térmica durante o dia, mas é sempre necessário corta-vento, calças, luvas térmicas, capas para os pés e outros agasalhos que acham necessários. Se tiverem a suar, tirem roupa porque quando o suor arrefecer será bastante desconfortável! Quando anoitece a temperatura baixa drasticamente por isso previnam-se para isso!

       
      Animais
      Vocês vão encontrar muitos animais pelo percurso, não se assustem nem os assustem. Abrandem o ritmo e lentamente passem por eles. São animais dóceis e que não fazem mal. Respeitem porque vocês estão de passagem e eles vivem lá!



      Saída
      Será em frente ao Mosteiro de S. Gonçalo, junto à ponte velha. Não tem nada que enganar. Ao sábado há feira em Amarante, mas se sairmos às 06.00h não haverá qualquer problema. Podem estacionar o carro junto às piscinas de Amarante, onde foi a Partida da Douro Bike Race, lá é um local seguro e com bastante espaço. Começa a haver luz por volta das 07h, por isso contem com pelo menos uma hora ''ás escuras''. Anoitece às 18.10h, até esta hora não será necessário luzes, depois além de necessário, é obrigatório para vossa segurança!



      Ritmo 
      Cada um terá o seu, neste dia não devem forçar mais porque a factura será elevada. Façam uma boa gestão de esforço e tentem parar poucas vezes para cumprir o vosso objectivo. Será preferível sair à ainda de noite para tentar chegar ao final da tarde. Eu não me responsabilizo por vocês na serra, se acontecer alguma coisa posso tentar ajudar à distancia por telemóvel, mas não tenho meios para vos socorrer. Digo isto por causa do anoitecer e podem estar no meio da Serra. Sejam sensatos e se virem que não tem capacidade para cumprir os 162km, façam outro nível! Quem tiver resistência, capacidade de sofrimento, e vontade fará os 162km. É preciso acreditar e ''trabalhar'' para isso.Pensamento positivo sempre!


      Emergência 
      Avisem a  vossa família do que vão fazer, eu não tenho ''controlo'' sobre vocês. Não sei se chegaram ou não ao final, não sei se pediram resgate de alguém...não sei se estão perdidos na serra, ou se estão magoados em algum lugar...para evitar isso pedalem sempre em grupo, nunca sozinhos!
       

      Jantar
      Já fecharam as reservas para os jantares, quer de sexta, quer de sábado. Na sexta feira o jantar será de grupo onde haverá uma apresentação do percurso por volta das 21h. Irei estar na Casa da Juventude até às 23h. Até esta hora poderei ajudar a colocar o track no vosso GPS se precisarem. 

      No sábado os jantares serão faseados conforme as pessoas vão chegando. Começara a ser servido às 20h e estende-se até ás 23h.  Depois desta hora não há condições para servir mais jantares.
      Neste dia haverá duas pessoas que fazem anos e que farão questão de celebrar aquando do jantar. Haverá bolo e champanhe para todos! Tentarei colocar fotos minhas e dos restantes participantes a passar durante o jantar.  

      A ultima lista de jantares actualizada a 23 de Janeiro  esta aqui publicada. 

      Podem consultar informações nos seguintes links :
      Recordo que as inscrições continuam a decorrer, mas sem a possibilidade de se reservar jantar.

      Até lá, boas pedaladas!